Você está aqui

Alunos da Escola Sesi de Ensino Médio Heitor José Müller, de Montenegro, venceram a etapa nacional do concurso de startups, realizado em parceria pela John Deere e a JA (Junior Achievement). As duas equipes que ganharam a etapa estadual, venceram também a nacional, só invertendo as posições, concorrendo com outras 36 ideias, entre Rio Grande do Sul, São Paulo e Goiás. A Startup HemoDrive, dos alunos Caroline dos Santos, Isabella Werner, Rafael Mousquer, Rafaela da Silva e Taíssa Nunes, desta vez ficou em primeiro lugar. A iniciativa tem como objetivo resolver o problema da distância dos hemocentros, já que a maior parte do público precisa fazer uma grande locomoção, tornando o ato de doar sangue muito caro. O app agenda a informação sobre doação de sangue com a unidade móvel, entre outros benefícios. A segunda colocada é a AmigoCulto, das alunas Alexandra Camila Raupp, Mariáh Figueiredo, Nathália dos Santos, Nathany Santos e Maria da Graça Ramos. A ideia é uma plataforma simples, segura, humanizada e diversa que conecta pessoas de todas as idades que precisam de ajuda no cotidiano, com pessoas que possuem habilidades, conhecimentos e estão dispostas a ajudar em troca de um valor simbólico. 

Reconhecida pelo MEC em 2015 como instituição inovadora, a Escola Sesi de Ensino Médio atua em turno integral, com atividades desenvolvidas em salas ambiente e articuladas ao trabalho interdisciplinar das áreas de conhecimento. As escolas estão com inscrições abertas ao processo de seleção para ingresso no primeiro ano, até o dia 30 de setembro, presencialmente, ou pelo site www.sesirs.org.br. Localizadas em Gravataí, Montenegro, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Pelotas, as Escolas Sesi oferecem 520 vagas no total com uma proposta educacional que desenvolve competências à solução de problemas e ao mundo do trabalho.

Publicado segunda-feira, 27 de Setembro de 2021 - 17h17