Você está aqui

As medidas de combate à disseminação do coronavírus, embora necessárias, podem trazer impacto negativo no bem-estar das pessoas. O isolamento social, que reduz o contato humano, aliado a medos como adoecer e perder familiares podem elevar os níveis de estresse ou ansiedade. Para ajudar empresas a lidar com essa realidade, o Serviço Social da Indústria (Sesi) lançou nesta semana o Guia Sesi Saúde Mental em tempos de Covid-19: Guia Sesi para gestores de empresas.

O documento, que contou com a participação da equipe do Centro Sesi de Inovação em Fatores Psicossociais (CISFPS) na estruturação, traz recomendações para adaptar a gestão de pessoas nos seguintes contextos: trabalho presencial; home office; afastamento compulsório de trabalhadores e isolamento domiciliar de casos suspeitos ou confirmados da doença. As recomendações envolvem: Plano de proteção à saúde mental, Comunicação e acesso à informação, Reorganização do trabalho, Suporte psicológico e Apoio aos gestores. 

A gerente do Centro de Inovação Sesi em Fatores Psicossociais (CISFPS), Letícia Lessa, explica que “o guia foi elaborado dentro da perspectiva de podermos auxiliar as indústrias a melhor enfrentarem e gerenciarem as questões psicossociais que se tornam mais um dos tantos agravos enfrentados. Neste momento, gerenciar a saúde já é um desafio e a saúde mental dentro deste contexto se torna mais um desses tantos desafios". Segundo ela, é um material que o RH da empresa pode acessar e aplicar, que tem o objetivo auxiliar realmente as empresas a colocarem em prática ações e iniciativas de enfrentamento das questões psicossociais, apoiando os gestores na gestão de suas equipes.

O download do guia pode ser feito neste link.

Veja aqui todas as matérias e ações da FIERGS sobre o novo coronavírus

Publicado quinta-feira, 30 de Abril de 2020 - 15h15