Você está aqui

Os Serviço Social da Indústria (Sesi-RS) atua para assegurar uma educação transformadora voltada para o mundo do trabalho. Como forma de fortalecer esse posicionamento, o Sesi-RS realizou, nesta quarta-feira (24), a Aula Magna do curso de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Cerca de 1,2 mil alunos de ensino fundamental e médio de Novo Hamburgo, Porto Alegre, Gravataí, Igrejinha e Parobé lotaram o Teatro do Sesi para acompanhar a palestra “Competências Necessárias para o Trabalhador do Século XXI”, com o presidente da Stihl no Brasil, Cláudio Guenther. Estudantes de outros polos puderam acompanhar via internet.

Uma das mensagens deixadas por Guenther é a importância do planejamento e do trabalho em equipe. “É importante trocar e aprimorar ideias por meio do compartilhamento. Não conseguimos mais trabalhar sozinhos”, alertou. Segundo ele, são quatro os pontos que a Stihl espera de seus profissionais: que sejam orientados para o cliente e focados em qualidade, tenham foco no resultado, saibam trabalhar em equipe e demonstrem interesse e disponibilidade para aprender. Os contratados precisam ter, pelo menos, o ensino fundamental completo e há um incentivo para estudo de outras línguas como o inglês e o alemão. 

O superintendente do Sesi-RS, Juliano Colombo, estimulou os alunos a batalharem para serem os protagonistas de suas próprias vidas. “E o passo que vocês dão ao estarem aqui essa noite já é um indicativo de que estão no caminho certo”, afirmou. A meta do Sesi para 2019 em relação à EJA é realizar 11,5 mil matrículas. A aula magna também teve a participação da Orquestra Jovem Sesi Gravataí, formada por filhos de industriários do Estado. 

Publicado quinta-feira, 25 de Abril de 2019 - 17h17